Imprimir

SINTESE repudia retirada da deputada Ana Lúcia da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa

Escrito por Sintese Ligado . Publicado em Rede Estadual


O Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica da Rede Oficial do Estado de Sergipe – SINTESE entidade que representa mais de 25 mil educadores e educadoras (da ativa e aposentados) da rede estadual e de 74 dos 75 municípios sergipanos repudia a manobra da Assembleia Legislativa que retirou da deputada estadual Ana Lúcia da Comissão de Educação, Cultura e Desporto e Administração e Serviços Públicos.

No entendimento do sindicato a retirada de Ana Lúcia destas duas comissões é uma retaliação do governo Jackson Barreto (pelo anúncio da deputada de não fazer parte da bancada de apoio) e também uma omissão do Partido dos Trabalhadores. A atuação de Ana Lúcia no parlamento tem se destacado pela defesa irrestrita dos trabalhadores e trabalhadoras não somente da Educação mas, de todas as áreas. Ao se curvar aos interesses mesquinhos do governo Jackson Barreto o parlamento sergipano demonstra que não possui autonomia frente ao Poder Executivo.

Desde o primeiro dia de mandato que a deputada Ana Lúcia faz parte das comissões e realizou um trabalho extremamente qualificado ao trazer professores, doutores e intelectuais para debaterem pautas que interessam a sociedade sergipana.

A sua exclusão faz com que haja um enorme prejuízo para o debate sobre os assuntos que interessam ao povo sergipano na Assembleia Legislativa. Que o digam as últimas audiências públicas que trataram sobre os riscos da Privatização da Água e sobre os prejuízos da Reforma do Ensino Médio, duas das maiores audiências públicas da história da Assembleia Legislativa.

Destaque-se também que a deputada tem trazido para o parlamento as diversas demandas dos educadores das redes municipais de ensino e como integrante da comissão intermediou e participou de diversas reuniões de negociação entre o magistério e os gestores municipais.

A manobra fica ainda mais clara quando se consulta o Regimento Interno da Assembleia Legislativa, o artigo 30 é claro ao dizer que as vagas nas comissões são dos partidos que compõem a bancada. O Partido dos Trabalhadores tem vagas garantidas nas comissões, mas a proposta de resolução apresentada pela presidência da Assembleia Legislativa exclui Ana Lúcia da Comissão de Educação, Cultura e Desporto com objetivo de tentar calar a voz dos trabalhadores e trabalhadoras no parlamento estadual sergipano.

Retiraram a deputada estadual das comissões legislativas, mas não vão calar a sua voz e nem a do povo sergipano na Assembleia Legislativa.

16 de março de 2017

Direção Executiva do SINTESE

Coordenação da Subsede Regional do Agreste

Coordenação da Subsede Regional do Alto Sertão

Coordenação da Subsede Regional do Baixo São Francisco I

Coordenação da Subsede Regional do Baixo São Francisco II

Coordenação da Subsede Regional Centro Sul

Coordenação da Subsede Regional Sul

Coordenação da Subsede Regional do Vale do Cotinguiba