Imprimir

SINTESE não participará de eventos oficiais da CONAE

Escrito por sintese Ligado . Publicado em Rede Estadual

O SINTESE não irá participar das conferências intermunicipais manchete conae 2018convocadas pelo Fórum Estadual de Educação - FEE e a CONAE estadual por entender que a política do governo Jackson Barreto, uma réplica das políticas do Ministério da Educação, será danosa para a Educação Pública sergipana.

Desde a decisão de Temer, através do MEC, que em abril de 2017 desmontou a estrutura do Fórum Nacional de Educação – FNE e transformou-o em um apêndice do Ministério da Educação, seguida da decisão do governo Jackson Barreto de retirar entidades representativas do Fórum Estadual de Educação que o SINTESE se manifestou publicamente de que não faria parte deste coletivo.

“Difícil achar que a Educação vai ser debatida e o Plano Estadual de Educação será cumprido quando o governo Jackson Barreto retira do Fórum Estadual de Educação entidades importantes como o Movimento Sem Terra – MST, Movimento de Mulheres e a Unegro e dificulta o processo de fiscalização da execução do Plano Estadual de Educação. Por não concordar com a exclusão dessas entidades, o SINTESE não irá participar de quaisquer eventos promovidos pelo Fórum Estadual de Educação enquanto ele tiver essa composição”, afirma a presidenta do SINTESE, Ivonete Cruz.

O sindicato entende que as políticas do governo golpista de Temer irão desmontar a Educação e por isso junto com demais movimentos sociais constrói a Conferencia Nacional Popular de Educação.

Em Sergipe o sindicato faz parte do Fórum Estadual Popular de Educação e participará da Pré Conferência Estadual Popular de Educação marcada para o dia 09 de março no Sindicato dos Bancários com debates sobre Memória da Educação Popular, Diversidade e Gestão, Planejamento e Políticas Públicas.

A Conferência Estadual Popular de Educação também já tem data, será nos dias 23 e 24 de março na Universidade Federal de Sergipe.