Prefeitos de Sergipe devem salários a professores

Escrito por sintese Ligado . Publicado em Redes Municipais

De acordo com dados levantados pelo SINTESE, até o fim da primeira semana de janeiro, 12 municípios sergipanos não haviam pagado ao magistério o 13º salário e/ou o salário do mês de dezembro de 2013. O levantamento aponta ainda que os prefeitos de Canhoba e Aquidabã (que estão na listados 12 devedores) e dos municípios de Lagarto, Moita Bonita e Simão Dias devem passivos trabalhistas referentes aos anos de 2012 e 2013.

Os municípios que devem aos professores o mês de dezembro de 2013 são:

Baixo São Francisco I:

Aquidabã – Prefeito: José Carlos dos Santos;

Cedro de São João – Prefeito: Claudionor Vieira de Melo Neudo Alves;

Propriá – Prefeito: José Américo de Lima;

São Francisco – Prefeito: Manoel Vieira da Silva Filho e

Canhoba – Prefeita: Elenilda Pereira Santos Bomfim

Centro Sul:

Poço Verde – Prefeito: Thiago Basílio Dória de Almeida;

Pedrinhas – Prefeito: José Antônio da Silva Alves e

 Salgado – Prefeito: Duílio Siqueira Ribeiro

Sul:

Arauá – Prefeita: Ana Helena Andrade Costa

Os municípios que devem aos professores o 13º salário são:

Baixo São Francisco I: Aquidabã

Baixo São Francisco II:

 Ilha das Flores – Prefeito: Christiano Rogério Rego Cavalcante;

Centro-Sul:

Riachão do Dantas – Prefeito: Ivanildo Macedo dos Santos (a prefeitura falta pagar 30% do 13º)

Sul: Arauá

Vale do Cotinguiba:

Capela – Prefeito: Ezequiel Ferreira Leite Neto (a prefeitura falta pagar 50% do 13º)

Outras dívidas

Em Aquidabã o prefeito, José Carlos dos Santos, além de não pagar o 13º salário e o salário de dezembro, está devendo aos professores 1/3 e 1/6 feriais referentes ao ano de 2013. Em Canhoba a prefeita, Elenilda Pereira Santos do Bomfim, além de não ter pagado o salário de dezembro, até hoje deve aos professores o 13º de 2012, assim como o prefeito de Lagarto, José Wilame de Fraga, que também deve ao magistério o 13º salário de 2012.

No município de Moita Bonita, o prefeito, Marcos Antônio da Costa, não pagou aos professores o salário de novembro de 2013. Já em Simão Dias, o prefeito Marival Silva Santana, não pagou o 1/6 ferial de 2013 nem o retroativo do piso salarial dos professores referente ao mês de janeiro de 2013.