SINTESE cria Movimento pela Progressão Funcional

34

O sindicato convoca os professores que requereram a mudança de nível a partir de junho de 2004 A comissão do SINTESE continua negociando os outros pontos da pauta de reivindicações do magistério com a Secretaria de Estado da Educação – SEED. Um deles é o direito à progressão funcional, ou mudança de nível, dos educadores. Na sexta-feira, 26, às 14 horas, o SINTESE vai realizar uma plenária, no Sindicato dos Bancários, com os professores que requereram a mudança de nível, a partir de junho de 2004.

Durante as audiências com o SINTESE, o governador comunicou que iria conceder a mudança de nível a uma parte do magistério, mas não citou o número, nem quais seriam os critérios. A comissão de negociação do sindicato só aceita definir os critérios com a SEED se a progressão for liberada, este ano, para os 928 professores que requereram esse direito.

O SINTESE está convidando todos os professores, que aguardam a concessão da mudança de nível, a participar de um movimento de luta pela conquista desse direito. O Governo do Estado está criando obstáculos para conceder a progressão funcional aos pedagogos. “E são esses professores que trabalham nos programas Se Liga, Acelera e Alfa e Beto, considerados pelo governo os responsáveis pela melhoria da educação em Sergipe”, lembra o professor Joel de Almeida, presidente do SINTESE. Segundo Joel, já que os programas são tão bons, o governo deveria também valorizar os pedagogos, concedendo a mudança de nível a esses educadores.