Ana diz que professor ficou sem computador

26

A deputada estadual Ana Lúcia Menezes (PT) disse ontem que o programa de inclusão digital do governo destinado aos professores não está funcionando. A deputada estadual Ana Lúcia Menezes (PT) disse ontem que o programa de inclusão digital do governo destinado aos professores não está funcionando. O programa foi criado originalmente para os educadores da rede pública estadual de ensino que estão em sala de aula.

Até agora, segundo a deputada, só foram distribuídos 1.860 computadores, para um universo com cerca de dez mil professores na sala de aula.

De acordo com Ana Lúcia, a Secretaria de Estado da Educação não assegura que os professores terão acesso aos computadores e há uma previsão de que serão beneficiados em torno de seis mil, número não confirmado.

Um grupo de professores compareceu à Assembléia Legislativa para denunciar que o compromisso do governo do Estado, com relação ao programa de inclusão digital, não foi cumprido. Segunda a deputada, os professores pedem a intermediação do parlamento estadual, para que haja o cumprimento da promessa do governo.

Ana Lúcia lembrou que a Assembléia Legislativa aprovou uma emenda ao projeto que universaliza o direito de acesso ao computador para todos os professores e equipes técnicas do ensino.

A parlamentar denuncia que algumas empresas que já compraram os computadores, para que sejam distribuídos aos professores, não receberam o pagamento do governo do Estado. A petista fez um apelo especial ao vice-líder do governo na Casa, deputado Augusto Bezerra (PFL), para que procure saber o que está acontecendo e resolva o impasse.

A expectativa da deputada é de que os computadores sejam distribuídos até o dia 31 de dezembro deste ano.

fonte:Central de Notícias