SINTESE e SEED discutem pauta de reivindicações

25

Na última sexta-feira, 30, aconteceu a primeira reunião entre o SINTESE e o secretário de Educação, José Fernandes Lima, para discutir a pauta de reivindicações da campanha salarial 2007. Na última sexta-feira, 30, aconteceu a primeira reunião entre o SINTESE e o secretário de Educação, José Fernandes Lima, para discutir a pauta de reivindicações da campanha salarial 2007. Foram discutidos neste primeiro encontro a questão do PROID, dos pacotes pedagógicos, conselho do Fundeb, gestão democrática, dívidas trabalhistas, progressão automática de nível, SAPED – Sistema de Avaliação Periódica de Desempenho e a proposta de reajuste salarial. A próxima audiência ficou marcada para o feriado após a Semana Santa.

SINTESE solicita suspensão do SAPED

Na audiência com Lima o SINTESE solicitou a suspensão imediata do SAPED – Sistema Periódico de Avaliação de Desempenho. Para o sindicato a manutenção da atual metodologia do SAPED é prejudicial não só para os professores, mas para toda da rede estadual. “Não somos contra a avaliação de desempenho, mas ela deve ser feita de forma séria. O que temos atualmente é uma avaliação comportamental do professor e não do sistema de ensino”, enfatizou o presidente do SINTESE, Joel Almeida.

Professores querem retorno do PROID

Sobre o PROID o sindicato voltou a questionar a secretaria sobre quando o programa será reaberto e também sobre os novos critérios de adesão ao programa. “Há uma demanda reprimida de professores e é preciso que a SEED reabra o programa e também defina uma política de formação de uma cultura digital, pois o computador por si só não é suficiente”, disse o presidente do SINTESE, Joel Almeida.

Ato de Lançamento da campanha salarial 2007

Com o tema “chegou a hora de valorizar o professor, de dar início a uma nova educação” o SINTESE lança na próxima quarta-feira, dia 04, a partir das 7h, no centro de Aracaju, a Campanha Salarial 2007. O ato é para mostrar a população sergipana o que os professores querem para a educação pública estadual. “Nossas propostas visam a adoção de uma política séria e continuada de melhoria das condições de ensino e trabalho da rede pública estadual”, disse o presidente do SINTESE, Joel Almeida.

Veja também o que já foi publicado sobre:
Campanha Salarial