Professores já podem requerer Gratificação de Interiorização

55

Uma das grandes conquistas do SINTESE já pode ser requerida pela categoria junto à SEED. Uma das grandes conquistas do SINTESE, a Gratificação de Interiorização para os professores da rede pública estadual já pode ser requerida pela categoria junto à Secretaria de Estado da Educação.

Foi o que ficou definido na reunião da Comissão de Avaliação dos Processos de Solicitação da Gratificação de Interiorização, realizada na tarde desta terça-feira, 02 de setembro na SEED. A Comissão é formada por dois integrantes do SINTESE(as professoras Maria Bernadete Rodrigues Pinheiro e Ubaldina Fonseca Santana Moreira), dois da Secretaria de Educação e dois da Secretaria de Estado da Administração- SEAD. O Decreto de nº 25.426 de 18 de Julho de 2008, que regulamenta o projeto de lei que institui a Gratificação de Interiorização do Magistério foi publicado no Diário Oficial de 21 de julho de 2008, após muito tempo de espera por parte dos professores, que comprometem mais da metade dos salários com custos em transportes.

A gratificação varia de 10% a 50% do vencimento básico de acordo com a distância percorrida pelos profissionais que lecionam ou trabalham na implementação de programas e projetos educacionais no interior de Sergipe.

Terão direito ao benefício, os professores da rede pública estadual que comprovem o exercício da profissão em municípios distantes de sua residência, com escassez de transportes e ainda que haja a necessidade de alojamento e subsistência para o desenvolvimento das atividades. Para solicitar a gratificação, os educadores devem apresentar juntamente com o requerimento adquirido na própria SEED, a cópia do último contra-cheque, comprovante de residência e a declaração do diretor(a) da unidade de ensino, atestando que o docente trabalha na escola e ainda o horário de trabalho. “Requerimentos e documentos deverão ser entregues nos órgãos de lotação(nas DRE’s) para que possam ser analisados pelos integrantes da Comissão de Avaliação”, ressalta a professora Bernadete Pinheiro.

Os profissionais do magistério que trabalham no município em que residem ou em locais cobertos pelo Sistema Integrado de Transporte de Aracaju, não terão direito à Gratificação por Interiorização e ainda quem está cumprindo licença maternidade, licença paternidade, afastamento para curso, licença prêmio, licença adotante e licença para tratamento de saúde, próprio e para acompanhar familiares.

Todas as dúvidas sobre o benefício poderão ser tiradas com as representantes do SINTESE na Comissão de Avaliação dos Processos de Solicitação da Gratificação de Interiorização, as professoras: Bernadete, pelo telefone 9940-2485 e Ubaldina, pelo telefone 9940-1974.