É possível democratizar a Comunicação no Brasil?

72
Na próxima sexta-feira, dia 5 de junho, a Central Única dos Trabalhadores em Sergipe – CUT/SE vai realizar o seu Encontro Estadual de Comunicação. Este evento ocorre um dia antes da realização do 11º Congresso Estadual da CUT/SE, que será realizado em Aracaju.

O tema central do Encontro Estadual de Comunicação da CUT/SE é uma pergunta: “É possível democratizar a comunicação no Brasil?”. Todo debate passará necessariamente pelas contribuições do movimento sindical à 1ª Conferência Nacional de Comunicação, que será realizada em dezembro deste ano.

O convidado para o evento é Alípio Freire, jornalista e escritor, membro do conselho editorial do Jornal Brasil de Fato e da direção da editora Expressão Popular. Também confirmou presença a secretária nacional de Comunicação, Rosane Bertotti, que também é membro titular da Comissão de Organização da 1a Conferência Nacional de Comunicação Social.

Podem participar desse encontro, que será realizado no auditório da CUT, todos os delegados eleitos e inscritos para o 11º CECUT/SE, além dos comunicadores que assessoram as entidades cutistas, outros jornalistas e estudantes. “É um encontro aberto para toda sociedade, mas é preciso se inscrever até as 12 horas desta quinta-feira, na CUT, porque vamos ter almoço no local“, informa Cristian Góes, da CUT/SE. O evento é gratuito.

A abertura do evento será feita pelo presidente da CUT/SE, Antônio Carlos Góis, que vai falar sobre “A comunicação como estratégia para a luta dos trabalhadores”. Logo depois a secretária nacional de Comunicação da CUT para sobre os desafios do campo popular e sindical na 1a Conferência Nacional de Comunicação Social.


Na parte da tarde é a vez do do jornalista Alípio Freire falar sobre o tema: ” É possível democratizar a Comunicação no Brasil?”. Os participantes do
Encontro Estadual de Comunicação da CUT/SE, na parte da tarde, também vão ler, debater e emendar (se for o caso) dois textos-teses sobre comunicação. Um que versa da 1ª Conferência Nacional de Comunicação e outro que trata da Comunicação Social em Sergipe.

As possíveis alterações e outras propostas apresentadas em Sergipe pelos participantes do Encontro Estadual de Comunicação serão apresentadas no 11º Congresso Estadual da CUT/SE e no 5º Encontro Nacional de Comunicação da CUT, que será realizado em São Paulo de 8 a 11 de julho.

PROGRAMAÇÃO
8 h – Abertura
9 h – “A comunicação como estratégia para a luta dos trabalhadores” – Antônio Góis, presidente da CUT/SE
9h30 – “Os desafios do campo popular e sindical na 1a Conferência Nacional de Comunicação Social”. Rosane Bertotti (CUT-Nacional).
10h30 – Debates
21h – almoço
13h – Filme – Oaxaca
14h – “É possível democratizar a comunicação no Brasil?” – Alípio Freire (Brasil de Fato)
14h40 – Debate.
16h – Leitura e debates sobre as teses nacional (Conferência de Comunicação) e estadual sobre Comunicação.
17h30 – Encerramento.
Cristian Góes (DRT/SE 633)