Emir Sader em Aracaju dia 18

54

Nesta terça, dia 18, às 18h, no auditório Terra Caída, no Centro de Concvenções de Sergipe (antigo CIC) o SINTESE e Central Única dos Trabalhadores – SE trazem  o cientista político Emir Sader. Além de ministrar palestra sobre a “A crise internacional e os caminhos da esquerda na América Latina” e fará o lançamento do livro “A nova toupeira: os caminhos da esquerda latino-americana”, pela editora Boitempo. A entrada é franca, não sendo necessária inscrição prévia.

Sader em seu livro parte do princípio que a América Latina no século XXI está diante de um novo dilema e que o desafio é superar as políticas falidas do neoliberalismo.

Como aponta o autor, na virada para do terceiro milênio a América Latina surpreende o mundo ao contestar o modelo que até então reinava absoluto. Assim, foram eleitos os presidentes Hugo Chávez na Venezuela (1998), Lula no Brasil e Néstor Kirchner na Argentina (2003), Tabaré Vázquez no Uruguai (2004), Evo Morales na Bolívia (2006), Daniel Ortega na Nicarágua e Rafael Correa no Equador (2007) e Fernando Lugo no Paraguai (2008). Paralelamente, “a proposta norte-americana de um tratado de livre-comércio para as Américas, aprovada quase unanimemente em 2000, foi rejeitada e enterrada em 2005”.

Diante deste quadro, A nova toupeira procura entender em que medida o neoliberalismo permanece hegemônico, analisando a natureza dos atuais governos latino-americanos e propondo um debate fundamental para a compreensão das questões políticas de nosso tempo.


O volume conta com caderno de imagens de líderes e revolucionários latino-americanos. Orelha de Michael Löwy e quarta capa de Eduardo Galeano.