Magistério de Itaporanga em greve a partir do dia 18

52

Os professores em assembleia realizada na última quarta-feira (11) decidiram entrar em greve por tempo indeterminado a partir do dia 18. No primeiro dia de greve, acontece uma caminhada pelas ruas da cidade com o objetivo de mostrar a população em geral os motivos da greve. No dia 19 um café da manhã será realizado em frente a prefeitura e no dia 20 os educadores realizam assembleia para avaliar o movimento.

Os educadores estão cansados de esperar que a prefeitura dê uma resposta concreta para a implantação do piso no município.

A comissão de negociação do SINTESE já se reuniu com o prefeito e seus assessores, o sindicato já fez análise da folha de pagamento e apresentou uma proposta para implantação do piso salarial no município, no início do mês de outubro. A administração municipal pediu 15 dias para estudar a proposta do sindicato, ao findar o prazo solicitou mais uma semana, através de ofício. A última informação oficial passada pela prefeitura foi que seria marcada uma audiência para o dia 29 de outubro e até agora nada.

Os educadores então decidiram então paralisar as atividades, na esperança de que as negociações sejam retomadas. “O ano já está findando e o município ainda não cumpre o que a lei determina para 2009, que é a integralização dos 2/3 do piso ao vencimento inicial”, disse Uilson de Menezes Hora, delegado sindical no município.