Educadores de Itabaiana fazem ato contra lei que desvaloriza o magistério

23

Os professores da rede municipal de Itabaiana fazem nesta quinta-feira (03) caminhada pelas ruas da cidade contra a lei enviada pelo prefeito Luciano Bispo e aprovada por seis vereadores que transforma os Professores em Educação Básica em Agentes Públicos de Educação. A concentração será às 8h na sede do SINTESE no município.

No mês passado os professores entraram em greve contra o projeto de lei. O prefeito Luciano Bispo garantiu em audiência que o projeto não seria apresentado na Câmara.

Mas para surpresa dos educadores, o “Plano da Morte” como foi apelidado pelo magistério foi enviado junto a outros projetos que têm, segundo a prefeitura, como objetivo organizar a carreira dos servidores estaduais.

No texto aprovado, os professores passam a ter como cargo não Professor de Educação Básica, mas sim Agentes de Educação Pública. No entender do sindicato essa mudança acaba com a carreira do magistério, pois nenhuma legislação educacional ampara os agentes públicos da educação. “A intenção da prefeitura é acabar com o magistério municipal, como forma de ‘punir’ a categoria que mais questiona as suas ações administrativas”, disse Rita de Cássia Santos, coordenadora da sub-sede do SINTESE em Itabaiana.