Ana Lucia apóia luta dos professores de Indiaroba em greve

42

Paralisada há 13 dias, categoria ocupa o prédio da Prefeitura Municipal há mais de 48h e diz que não vai recuar

deputada diz que a luta pelo piso  justa

deputada diz que a luta pelo piso justa

A deputada estadual Ana Lucia (PT) usou a tribuna nesta manhã, 3, para reafirmar seu compromisso com os educadores de Sergipe. Ela fez referência à luta da categoria no município de Indiaroba, em greve há 13 dias, e que há mais de 48h ocupa o prédio da Prefeitura Municipal.

De acordo com Ana Lucia, que esteve ontem no município para participar de uma audiência com o prefeito João Eduardo Veigas (PTB), juntamente com a Central Única dos Trabalhadores de Sergipe – CUT/SE -, o caso é grave. Ela explica que, além de o gestor não se manifestar durante um ano de tentativas por parte dos professores para abertura de um diálogo para a negociação do piso salarial, está tratando os educadores com total desrespeito e autoritarismo.

professores permanecem em greve por tempo indeterminado

professores permanecem em greve por tempo indeterminado

“O prefeito não cumpriu o acertado sobre a audiência que ocorreria ontem, tendo sido desrespeitoso também comigo, enquanto parlamentar, e com a CUT, que é uma entidade representativa da classe trabalhadora organizada. No momento que ele nos convoca para negociação na fazenda  do presidente da Câmara Municipal dos Vereadores (uma propriedade privada) para negociar uma questão de trabalhadores da rede pública, obviamente que nem eu nem o presidente da CUT/SE, professor Dudu, concordaríamos. Diante de nossa posição, o prefeito não sinalizou outra alternativa. Há várias alternativas de espaços públicos onde poderíamos ter realizado a audiência”, diz.

A deputada Ana Lucia explica que os professores passaram um ano lutando pelo diálogo, através do secretário de Educação, encaminhando ofícios, e jamais obtiveram qualquer retorno por parte do prefeito.

Conforme ela, os professores de Indiaroba permanecem na luta pela implantação do piso nos moldes que preconiza a lei e aguardando a sinalização do gestor.

fonte: www.analucia-se.com.br