Dirigente do SINTESE é ameaçada de prisão

47
professores_acampam_na_prefeitura

professores_acampam_na_prefeituraA prefeitura de Indiaroba entrou com ação de despejo para retirar os professores do prédio da prefeitura. A delegada do município chegou a ameçar de prisão a dirigente do SINTESE e da CUT/SE, Ivonia Ferreira, porque ela se recusou a assinar o documento mostrado pela delegada. “Não assinei porque não sabia o teor do documento, primeiro tinha que consultar a assessoria jurídica do sindicato”, disse Ivonia.

Foi preciso a intervenção da deputada Ana Lúcia para que a delegada do município não levasse a dirigente até a delegacia.

Os professores de Indiaroba ocuparam o prédio da prefeitura no dia 01. Eles buscam uma negociação com o prefeito João Eduardo para a implantação do piso salarial no município. O prefeito se recusa a receber a categoria.

Na tarde de ontem (02) o prefeito marcou uma audiência com a comissão de negociação do SINTESE, que contaria om a presença da deputada Ana Lúcia e de dirigentes da CUT/SE. Como a comissão se recusou a ir a fazenda do presidente da Câmara, onde o prefeito pretendia realziar a reunião, ele voltou para Aracaju sem receber os professores. “Para nós reunião entre professor e prefeito deve acontecer nos prédios públicos e não em propriedades privadas”, disse Wanderclan Nascimento, da comissão de negociação do SINTESE em Indiaroba.

Os professores agora vão acampar em frente ao prédio da prefeitura e só saem de lá quando forem recebidos pelo prefeito. Agora à noite eles participam de uma das novenas em homenagem a Nossa Senhora da Conceição, padroeira do município.