CUT abriga debate e pede abertura dos arquivos da ditadura

54

A CUT/SE estará realizando, nesta sexta-feira (26.02.2010), debate a respeito dos arquivos da ditadura brasileira, no qual defenderá o desvelamento da verdade e a punição dos torturadores, que vitimaram os defensores da democracia. 

O advogado Cézar Britto, ex-presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, além do ex-vereador Antônio Góis, o Goisinho, preso durante os “Anos de Chumbo, já confirmaram presença no debate.

Na oportunidade, a CUT/SE oferecerá uma placa em homenagem aos advogados César Britto e Henri Clay Andrade, que durante a gestão como presidentes da OAB Nacional e OAB/SE, respectivamente, prestaram relevantes serviços à sociedade brasileira e sergipana.

Local: Sede da CUT (Rua Porto da Folha, 1039, bairro Cirurgia)
Data: 26 de fevereiro (sexta-feira)
Hora: 19 horas