Audiência pública vai tratar do edital de seleção dos professores para os Centros Experimentais

40
Nesta segunda, 01, às 9h, no Ministério Público acontece uma audiência pública com participação de professores das escolas estaduais: Vitória de Santa Maria, Marco Maciel, Atheneu Sergipense, o SINTESE e a Secretaria Estadual de Educação – SEED.

Na pauta o edital que foi publicado pela SEED para a seleção dos professores que vão ministrar aulas nas três escolas. Semana passada o SINTESE e os docentes foram ao Ministério Público solicitar a intermediação do órgão na questão.

Os educadores procuraram o sindicato, pois a partir da publicação do edital gerou uma insegurança nos professores, pois somente aqueles que passaram na prova poderão ficar nas escolas.

Para o SINTESE a publicação do edital neste momento é preocupante, pois o ano letivo já começou e ao fazer a seleção de professores neste momento, alguns ficarão sem local de trabalho. “A lei que instituiu os Centros Experimentais diz que os professores no final do ano letivo passarão por avaliação e os que não passarem não poderão trabalhar na escola, sendo assim abrir-se-iam vagas e a partir daí a secretaria poderia lançar o edital”, disse Roberto Silva Santos, diretor de Comunicação do SINTESE.

Centros Experimentais de Ensino Médio
O SINTESE é contrário à instituição dos Centros Experimentais de Ensino Médio, desde a época em que eles foram instituídos e se chamavam Centros de Excelência.
Para o sindicato o Estado não deve priorizar poucas escolas, mas sim ter uma política de valorização de todas as unidades de ensino médio de Sergipe. Os centros terão prioridade sobre todas as outras escolas da rede estadual. Atualmente temos a situação onde os professores tiram cópias de material e pagam do próprio bolso, para que os alunos possam estudar.

Iniciativa privada “comanda” escola pública
Outro ponto que preocupa o sindicato é a inserção da iniciativa privada na gestão da escola pública. Nos Centros Experimentais, os empresários têm assento no Conselho Gestor. “Isso preocupa os professores, pois quando o Estado permite que a iniciativa privada passe a ditar como as escolas públicas devem funcionar, demonstra uma declaração de incompetência do Estado para administrar os estabelecimentos de ensino”, finalizou Roberto.

A instalação dos Centros Experimentais é tema do programa “A Hora da Verdade” deste sábado, 27, das 7h às 9h na Rádio Atalaia AM.