Aracaju recebe a mostra Teatro do Oprimido

49
O evento será realizado das 17h às 21h no Auditório da Biblioteca Pública Epifânio Dória

Cartaz do evento

Acontece nesta sexta-feira, 30, a mostra ‘Teatro do Oprimido de Ponto a Ponto – Encontros e Práticas em Sergipe’. Na ocasião, multiplicadores e praticantes do método criado pelo teatrólogo Augusto Boal, se reunirão e haverá apresentação de peça teatral, encenada por um dos grupos de Teatro do Oprimido de Sergipe. Ao final da apresentação alguns dos espectadores serão convidados a subir no palco e, trocando de lugar com o protagonista, mostrar alternativas aos problemas encenados.

A programação do evento conta ainda com o lançamento do livro póstumo de Augusto Boal, ‘A Estética do Oprimido’, considerado o testamento artístico do teatrólogo e ensaísta, que antes de falecer foi nomeado embaixador mundial do teatro pela Unesco. Haverá ainda uma exposição de produtos artísticos produzidos pelos grupos locais, palestras e exibição de um curta metragem.

O evento será realizado das 17h às 21h no Auditório da Biblioteca Pública Epifânio Dória, localizado na Rua Dr. Leonardo Leite s/n°, 13 de Julho. A entrada é gratuita.

Projeto

As atividades integram o Projeto Teatro do Oprimido de Ponto a Ponto, realizado pelo Centro de Teatro do Oprimido com patrocínio do Ministério da Cultura, por intermédio do Programa Cultura Viva, cujo objetivo é a capacitação e acompanhamento de novos multiplicadores do método Teatro do Oprimido em 18 estados brasileiros e quatro países da África lusófona: Moçambique, Guiné-Bissau, Senegal e Angola.