Após pressão dos professores prefeitura de Gal. Maynard aceita negociar atualização do PSPN

49

A administração municipal de General Maynard abriu o processo de negociação para a atualização do valor do piso. O comunicado aos professores veio após a deliberação da categoria em paralisar as atividades nesta quarta-feira, dia 20. Eles fizeram um café da manhã na praça central do município para marcar a data.

Os salários do mês de abril foram pagos neste sábado, dia 15, ou seja, com mais de duas semanas de atraso.

A prefeitura argumenta que os salários são pagos com atraso por problemas no orçamento e que todo mês é necessário pedir autorização a Câmara de Vereadores para suplementar o recurso a ser utilizado para o pagamento dos salários.

Para o sindicato é preciso que a administração municipal e a Câmara de Vereadores encerrem essa “queda de braço” com relação aos recursos disponíveis. É preciso que a prefeitura redimensione o orçamento e não fique solicitando todos os meses a suplementação dos recursos.

Os professores deliberaram a paralisação porque o prefeito João Evangelista não tinha aberto o canal de negociação para atualizar o valor do piso, que hoje é de R$1.024,67 para nível médio e jornada máxima de 40 horas semanais.

Isso sem contar com a quebra do acordo por parte da prefeitura que se comprometeu com os professores a pagar o retroativo dos 2/3 do piso referente aos meses de novembro e dezembro.