Carregadoras de Sonhos aguarda o resultado popular de filmes indicados ao Oscar

48

Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE MicrosoftInternetExplorer4 /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:”Calibri”,”sans-serif”; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-fareast-font-family:”Times New Roman”; mso-fareast-theme-font:minor-fareast; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:”Times New Roman”; mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

Nesta quinta-feira, 23, será divulgado o resultado da enquete Qual filme brasileiro você gostaria de ver concorrendo ao Oscar 2011? A primeira edição da promoção do Ministério da Cultura (MinC), através da Secretaria do Audiovisual, permite que os diretores inscrevam suas produções e que a população possa manifestar-se.

Em Sergipe e especialmente entre os educadores e Sindicato dos Trabalhadores em Educação (SINTESE), a torcida é para que o longa-metragem Carregadoras de Sonhos esteja bem situado na lista de tom popular.

O filme assinado por Deivisson Fiúza retrata o cotidiano de quatro educadoras e a partir de suas histórias individuais desenha o cenário de lutas travadas por guerreiras e guerreiros do magistério; denunciando o descaso com a educação pública e com a categoria que se depara com péssimas condições de trabalho. Carregadoras de Sonhos foi exibido em vários municípios sergipanos, em Salvador, no Rio de Janeiro, chegou à Brasília e no próximo mês, será a vez da cidade de São Paulo.

A ideia que alimentou a produção do longa foi exatamente a que se reflete hoje: propiciar debates, aglutinar professores, estudantes, entre outros atores sociais, fortalecendo-os para lidar com as batalhas diárias por uma educação de qualidade para filhas e filhos da classe trabalhadora. Até amanhã, o clima de expectativa prevalece enquanto se espera a publicação da lista que servirá de material auxiliar para a Comissão de Seleção Oficial.