Exibição de ‘Carregadoras de Sonhos’ marca Dia do Professor

47

Profissionais da educação de todo o Brasil estarão comemorando na próxima

diadoprofessor_2010

diadoprofessor_2010

sexta-feira, dia 15 de outubro, o Dia do Professor. Em Sergipe, a data especial será reverenciada com coquetel, música ao vivo e com a exibição do filme ‘Carregadoras de Sonhos’, às 19h, no Auditório da Sociedade Semear.

O professor Joel Almeida, diretor do Departamento de Comunicação da direção executiva do Sintese, compreende que não poderia haver programação melhor que a exibição do filme ‘Carregadoras de Sonhos’ para comemorar o dia dos professores em Sergipe. “O filme além de ser uma peça linda, poética, retrata bem a situação dos professores da zona rural de Sergipe. Ele também é um balizador para se abrir um debate sobre diversos temas relativos à educação”, resume o educador.

Joel Almeida explica que a produção do filme foi uma tentativa de mostrar, no dia-a-dia, as condições de trabalho do professor que têm que lidar com turmas multiseriadas – com alunos de diversas séries e faixas etárias –; exercer funções variadas sem a devida formação; trabalhar sem condições estruturais mínimas, entre outros obstáculos.

Proposta Nacional
No dia 15 de outubro, o professor Joel Almeida vai integrar o grupo de professores de todo o país que estará reunido com a candidata Dilma Russef para discutir propostas da educação e o plano de governo. “Queremos falar sobre a valorização do piso e da carreira do professor. As escolas precisam ser padronizadas no Brasil, assim como são os bancos públicos, respeitadas as diversidades climáticas e culturais de cada região”, defende o professor.

História da Data
A data escolhida para homenagear o profissional da educação é o dia consagrado à Santa Teresa de Ávila, e é a mesma data em que o então imperador Dom Pedro I baixou um decreto instituindo o Ensino Elementar no Brasil. O decreto que ficou conhecido como Lei Geral da Educação instituía a descentralização do ensino, o salário dos professores, as matérias básicas que todos os alunos deveriam aprender e até como os professores deveriam ser contratados. No entanto, ele só foi posto em prática 120 anos depois de sua promulgação.