Professores de Santo Amaro ocupam prédio da prefeitura

52

Os educadores da rede municipal de Santo Amaro em greve desde o último dia 25 de abril, ocuparam na manhã desta segunda o prédio da prefeitura.

O prefeito Ivaldo Costa apresentou uma proposta de reajuste de 22,22% somente para o nível médio e 3% para o nível superior. Dessa forma os professores com nível superior vão receber menos que os com nível médio. Os educadores rejeitaram a proposta. “Queremos o que nos é de direito. A lei do piso é clara, o reajuste é para todos os professores”, aponta a professora Sandra Moraes.

Eles esperam ser recebidos pelo prefeito Ivaldo Costa e por sua equipe para discutir uma nova proposta de reajuste do piso e também o projeto de lei que renova o Estatuto do Magistério. “Só vamos sair daqui quando tivermos avançado nas negociações”, aponta a professora Ellen Leslie.

A categoria decidiu ocupar a prefeitura depois que a secretária de Educação marcou audiência com a comissão de negociação do SINTESE para a última sexta, dia 04, e não compareceu. Ela inclusive chegou a passar pelos professores, mas não explicou o porquê da audiência não ter acontecido.