Sobre a resolução do CNE que trata do calendário escolar e EAD

658

“Não escolhemos a circunstância histórica de uma pandemia global, mas podemos definir como enfrentá-la. Se estamos preocupados com o direito social à educação escolar, não encontraremos respostas nessa minuta do CNE”. Veja os porquês no texto assinado por André Martins e Leonardo D. Pina “Apontamentos sobre a minuta de parecer do CNE sobre calendário escolar e atividades pedagógicas não presenciais no contexto da pandemia de covid-19”