Porto da Folha: magistério faz ato em frente a prefeitura

254

Professoras e professoras das escolas municipais de Porto da Folha fizeram ato em frente a prefeitura na manhã desta sexta, dia 02.

Eles cobraram valorização do magistério, pois a administração municipal desde 2018 não cumpre a lei do piso e com isso os salários dos educadores e educadoras fiquem defasados. A efetivação de outros direitos previstos no Plano de Carreira e Estatuto também são constantemente negados.

Outra prática ilegal da administração do prefeito Miguel é sonegar informações sobre os salários do magistério ao INSS, isso fará com que os professores e professoras ao se aposentarem tenham proventos menores.

Em seis meses de pandemia e a prefeitura não faz a distribuição constante de kits de alimentação escolar. Deixando os estudantes e suas famílias em situação ainda mais vulnerável.

No final do ato foi protocolado ofício solicitando audiência.