Carmópolis: magistério faz ato e cobra reajuste do piso e condições de trabalho

53

Para professoras e professores de Carmópolis a semana começou com ato público. Os integrantes do magistério municipal denunciaram que o prefeito José Augusto (que assumiu o mandato depois do afastamento de Beto Caju) continua com a mesma política do seu antecessor.

Apesar da lei ter sido aprovada, até o momento a administração municipal não cumpre com o do piso de 2020.

Os educadores e educadoras também denunciaram a não garantia de equipamentos e franquia de internet para professoras, professores e também aos estudantes para que as aulas remotas sejam viabilizadas.