Seduc, negar ou esconder fatos não vai fazer a Covid-19 desaparecer

380

Atualizado às 15h45

A Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), saiu com nota na qual afirma ser falsa a lista com 40 Escolas da Rede Estadual de Ensino nas quais professores, professoras, estudantes e demais servidores da área administrativa testaram positivo para Covid 19. Mas embora a Seduc tente negar ou esconder, infelizmente, este fato é verdadeiro.

Em 40 Escolas da Rede Estadual de Ensino, na quais foram retomadas as atividades presenciais ou tinham a pretensão de retomá-las, com os estudantes do 3º ano do Ensino Médio e estudantes da Educação para Jovens e Adultos (EJA), professores, professoras, estudantes e demais servidores da área administrativa testaram SIM positivo para Covid 19.

Este fato é fruto de denúncias feitas ao SINTESE por professores, professoras e outros servidores dessas Unidades de Ensino. É importante destacar que estas 40 Escolas Estaduais foram submetidas a testagem feita pela SEDUC, em parceria com a Universidade Federal de Sergipe e com Secretarias Municipais de Saúde.

Os resultados positivos para Covid 19 são mais uma prova de que o SINTESE está correto em defender a testagem em massa de estudantes, professores, professoras e demais servidores que atuam nas escolas da rede estadual, antes de se pensar em uma retomada das aulas de forma presencial.

Cada escolas da Rede Estadual de Ensino é um universo diferente, com as mais diversas realidades inseridas nele. Por isso, não realizar a testagem em massa é assumir um imenso risco, afinal é sobre “vidas” que estamos falando. E como bem colocou a presidenta do SINTESE, professora Ivonete Cruz, criminoso é negar fatos e expor vidas a risco. A negação não muda fatos.

“O que temos a dizer a Seduc é que negar fatos não vai fazer a Covid desaparecer e criminoso mesmo é esconder estes fatos e colocar a vida das pessoas em risco. Estamos falando de uma doença que já contaminou mais de 6,5 milhões de pessoas e já fez quase 180 mil vítimas em nosso país. A sala de aula é um ambiente complexo, extremamente heterogêneo. São jovens vindos das mais diversas realidades. E justamente por ter um público tão diverso, que se faz necessária que haja a testagem de todos. O trabalhador da educação tem o direito de querer se sentir seguro em seu ambiente de trabalho, o estudante tem também este direito. Estamos falando pessoas, da vida de cada uma delas. Precisamos proteger as vidas da escola pública em nosso estado. Como sempre repetimos: aulas podem ser repostas, vidas não.”, reafirma a professora, Ivonete Cruz.

Abaixo os nomes das 41 unidades de ensino da Rede Estadual nas quais professores, professoras, estudantes e demais servidores da área administrativa testaram positivo para Covid:

  1. Colégio Estadual João de Melo Prado, Divina Pastora
  2. Colégio Estadual Sílvio Romero, Lagarto
  3. Colégio Estadual Dionísio Machado, Indiaroba
  4. Centro de Excelência Arquibaldo Mendonça, Indiaroba
  5. Centro de Referência de Educação de Jovens e Adultos, Estância
  6. Colégio Estadual Maria Rosa de Oliveira, Tobias Barreto
  7. Colégio Estadual Abelardo Barreto do Rosário, Tobias Barreto
  8. Colégio Estadual João Batista Nascimento, Nossa Senhora do Socorro
  9. Colégio Estadual Nestor Carvalho, Itabaiana
  10. Colégio Estadual Miguel das Graças, São Miguel do Aleixo
  11. Colégio Estadual Dr. Airton Teles, Itabaiana
  12. Colégio Estadual Gilson Amado, Estância
  13. Colégio Estadual Presidente Juscelino Kubitschek, Nossa Senhora do Socorro
  14. Colégio Estadual Gumercindo Bessa, Estância
  15. Colégio Estadual Arabela Ribeiro, Estância
  16. Colégio Estadual Abelardo Romero Dantas, Lagarto
  17. Colégio Estadual Anfilofio Fernandes Viana, Umbaúba
  18. Colégio Estadual Fausto Cardoso, Simão Dias
  19. Colégio Estadual Padre Mendonça, Itabaiana
  20. Colégio Estadual Guilherme Campos, Campo do Brito
  21. Colégio Estadual Senador Walter Franco, Estância
  22. Colégio Estadual Almirante Tamandaré, Nossa Senhora de Lourdes
  23. Colégio Estadual Cícero Bezerra, Nossa Senhora da Glória
  24. Colégio Estadual Manoel Bomfim, Arauá
  25. Colégio Estadual Edélsio Vieira de Melo, Santa Rosa de Lima
  26. Colégio Estadual Francisco Rosa, Aracaju
  27. Centro de Excelência 28 de Janeiro, Monte Alegre de Sergipe
  28. Colégio Estadual José de Matos Teles, Japaratuba
  29. Colégio Estadual Marcolino Cruz, Macambira
  30. Colégio Estadual Dom Mário Rino Sivieri, Lagarto
  31. Colégio Estadual Milton Dortas, Simão Dias
  32. Colégio Estadual Edélsio Vieira de Melo, Capela
  33. Colégio Estadual Irmã Maria Clemência, Capela
  34. CREJA Marcos Ferreira, Simão Dias
  35. Colégio Estadual Roque José de Souza, Campo do Brito
  36. Colégio Estadual João XXIII, Ribeirópolis
  37. Colégio Estadual Abdias Bezerra, Ribeirópolis
  38. Colégio Estadual Dr. Jessé Fontes, Pedrinhas
  39. Colégio Estadual Alcides Pereira, Maruim
  40. Colégio Estadual João Salônio, Nossa Senhora Aparecida