Itaporanga D’Ajuda: professores dialogam com vereadores

134

No segundo dia de greve, uma representação de professores e integrantes da direção do SINTESE foram à Câmara Municipal de Vereadores solicitar apoio dos parlamentares para que eles possam intermediar uma audiência com o prefeito Otávio Sobral.

Os professores foram recebidos pelo presidente da casa legislativa, vereador Felipe Sobral e outros vereadores. Os parlamentares disseram que vão dialogar com o secretário municipal de Educação e solicitarem audiência com o prefeito.

Antes disso, os professores e professoras das escolas municipais de Itaporanga D’Ajuda estiveram novamente em frente a prefeitura para cobrar audiência com o prefeito Otávio Sobral para tratar da pauta do magistério, como o prédio estava fechado ao público (pelo segundo dia consecutivo), os docentes realizaram uma caminhada pelas ruas da cidade, dialogando com a população sobre os motivos pelos quais o magistério está em greve (com suspensão das aulas remotas).

A expectativa do magistério é que o município estabeleça a negociação e assegure o reajuste do piso salarial da categoria, do ano de 2020, conforme preconiza a Lei Federal 11.738/2008 (Lei do Piso do Magistério), pois há, inclusive, recursos para o cumprimento da lei.

De acordo com a Lei do Piso, professores e professoras da rede pública de todo o Brasil devem ter seus salários reajustados anualmente, sempre no mês de janeiro.