Ainda dá tempo de se inscrever na XVI Conferência Estadual de Educação do SINTESE

135

A nossa tão esperada Conferência começa amanhã, dia 25, e este ano será realizada de maneira virtual. A abertura será às 19h e logo de cara já trazemos uma super mesa, com o professor Dr. Miguel Arroyo (professor titular emérito da Faculdade de Educação da UFMG)

O professor Dr. Miguel Arroyo abre os trabalhos debatendo o tema central da nossa Conferência: “100 anos de Paulo Freire: Resistir e Esperançar Frente às Políticas Públicas de Desmonte da Educação Pública”

Lembrando que este é um evento gratuito para filiados e filiadas ao SINTESE, começa amanhã à noite e segue durante todo o dia da sexta-feira, 26. 

Além da participação de palestrantes de renome nacional, para abrilhantar ainda mais a nossa Conferência, teremos a participação especial da Profª Drª Nita Freire, viúva de Paulo Freire.

Faça já a sua inscrição pelo link: https://www.sintese.org.br/conferencia2021/

Não deixe de participar!

Confira abaixo a programação completa da XVI Conferência Estadual de Educação

25/11 – quinta-feira – 19h às 21h30

Abertura: 100 ANOS DE PAULO FREIRE: RESISTIR E ESPERANÇAR FRENTE ÀS POLÍTICAS PÚBLICAS DE DESMONTE DA EDUCAÇÃO PÚBLICA

Palestrante: Prof. Dr. Miguel Arroyo (Professor Titular Emérito da Faculdade de Educação da UFMG)

Mediação: Ivonete Cruz (Presidenta do SINTESE) e Roberto Silva (Vice-presidente do SINTESE)

 26/11 – sexta-feira – 09h às 12h

– O DESMONTE DO ENSINO MÉDIO PÚBLICO JÁ ESTÁ EM CURSO

Palestrante: Prof. Dr. Fernando Cássio (UFABC)

– PROJETOS DE VIDA, NECROPOLÍTICA E PRÁTICAS CURRICULARES DE RESISTÊNCIA

Palestrante: Profa. Dra. Iris Verena Oliveira (UNEB)

Mediação: Ivônia Ferreira (Diretora depto. bases municipais do SINTESE)

 26/11 – sexta-feira – 14h às 17h

– A IMPORTÂNCIA DO LEGADO DE PAULO FREIRE

Participação especial: Profa. Dra. Nita Freire

– PAULO FREIRE E AS AFRICANIDADES NA EDUCAÇÃO: UMA EXPERIÊNCIA DO ESPERANÇAR NO COTIDIANO ESCOLAR

Palestrante: Prof. Wilson Queiroz (Professor da rede municipal de Campinas/SP. Doutorando em Educação pela UNICAMP)

Mediação: Edinalva Mendes (Diretora depto. de Educação do SINTESE)