Dirigentes do SINTESE cobram do governador rateio dos recursos da Educação

1433
Foto: Mário Sousa

Dirigentes do SINTESE cobraram do governador Belivaldo Chagas o rateio dos recursos do Fundeb e da MDE para os trabalhadores da Educação conforme a lei do Fundeb (14.113). A cobrança foi feita logo após a fala do governador em evento da Seduc que aconteceu no auditório da Biblioteca Epiphanio Dória.

Há sobra de mais de R$346 milhões

Em entrevista coletiva realizada na terça, dia 14, o sindicato apresentou os dados coletados no SIOPE – Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação e no RREO – Relatório Resumido de Execução Orçamentária de que a rede estadual de Sergipe tem uma sobra de recursos do Fundeb e da MDE de R$346.352.720,45.

“Cobramos do governador que se faça cumprir a lei, é preciso que seja enviado um projeto de lei à Assembleia Legislativa dizendo como será feito esse rateio entre os trabalhadores da Educação”, disse a presidenta do SINTESE, professora Ivonete Cruz.