Professores e professoras de Capela vão receber revisão do piso em maio

366

A luta assegura direitos, e por conta dela, professores e professoras da rede municipal de ensino de Capela terão garantida, no mês de maio, a revisão do piso salarial de 2022, que é de 33,24%, respeitando a carreira, conforme preconiza a Lei.

A proposta foi feita aos dirigentes do SINTESE e a comissão de negociação local em audiência, que aconteceu na tarde de terça-feira, dia 22, com a prefeita do município, Silvany, e membros de sua gestão.

Em assembleia, que ocorreu logo após a audiência, professores e professoras aprovaram a proposta feita pela prefeitura. “Esperamos que a prefeita envie o quanto antes a Câmara de Vereadores de Capela o Projeto de Lei para garantir o pagamento da revisão do piso salarial em maio, conforme a proposta apresentada. Não temos dúvida que essa conquista é fruto da luta de professores e professoras que incansavelmente, ao longo dos anos, sempre estiveram na linha de frente na luta por direitos, que vão desde a valorização do magistério até a uma educação de qualidade social para os filhos e filhas dos trabalhadores. Lembrando sempre que o piso salarial do magistério é Lei e os gestores municipais devem cumprir o que estabelece as Leis”, ressalta a coordenadora geral da subsede do SINTESE Vale do Cotinguiba, professoras Rita de Cássia de Oliveira.